Bela cidade das Gerais!

Bela cidade das Gerais!
Imagem feita por Sotnas Odlabu em São João Del Rei MG em nov de 2016

E AQUI, OS QUE POR CÁ VIERAM UMA, E CONTINUAM VOLTANDO OUTRAS VEZES!

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

É esse seu mundinho, tão mesquinho!

imagem feita por Ubaldo Santos em Caxambu-MG em outubro de 2010

Esta imagem mostra que mesmo restrita a este local no meio deste pequeno lago no parque das águas em Caxambu – MG, esta estátua viaja por vários cantos do país, claro que através das imagens fotográficas ou vídeos. Diferente de algumas pessoas que vivem fechadas em seu restrito mundo, e sequer se preocupam com outros seres que estão ao seu lado, mesmo que o seu visinho esteja necessitando de sua ajuda!                                                                                           

Não posso crer que viver tornou-se tarefa tão banal,
As pessoas obstam-se, por medo de se envolver,
Preocupam-se com o próximo, porém de maneira superficial,
Têm mórbido interesse em presenciar o semelhante sofrer,

Sugiro apreciarmos melhor as várias formas da vida,
O desenvolvimento paulatino e toda a infinidade da natureza,
Ocupa o seu tempo vazio, e cicatriza a alma ferida,
É só observar ao redor, tudo na natureza tem o seu quinhão de beleza!

Ver-te nesse teu fechado mundinho,
Faz-me crer que tem medo de ser verdadeiro, ser real,
Ainda pior, faz ver a todos o quanto é egoísta e mesquinho,

O mundo é redondo concordo, porém nele vivemos na superfície,
Pra frente ou para trás, tal qual nos dois sentidos, lateral,
Não vivemos no interior do planeta, ou isso alguém nunca te disse!


UBALDO SANTOS

17 comentários:

  1. Perfeito!
    ler,reler e pensar..
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá amigão, obrigado pela visita e pelo selo que já estou carregando. Parabéns pelo 1 ano do Blog, quem faz bem feito como você merece ter sucesso.

    Um abraço do Zé Carlos

    ResponderExcluir
  3. E quantos, meu amigo, tem medo e se fecham em seus mundinhos com prazer em ver tantos sofrerem, por egoísmos, por covardias ou sei lá o que.
    Mas aqui você nos mostra que podemos observar e tentar desenvolver o lado bom da VIDA...
    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Reflexão oportuna. Há milhares de pessoas desabrigadas. Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Não acredito que seja possível viver nos dias de hoje dentro de uma redoma invisível criada por nós mesmos, mas alguns ainda tentam...

    Abraços renovados e grato pela belíssima reflexão que nos trás!

    ResponderExcluir
  6. Nossa vejo por aí muitos vivendo fechados em seus mundinhos, mas ainda a uma maioria que se importa e socorre a todos aqueles que precisam, graças a Deus.
    bjos.

    ResponderExcluir
  7. Infelizmente, a maioria das pessoas vive para endeusar o próprio ego, sem saber "que só o amor cobre a multidão de males". Grande abraço!

    ResponderExcluir
  8. Ola querido amigo!!! enquanto essas pessoas "se fecham" em seus próprios medos, perdem a grande oportunidade de viver e desbravar novos horizontes. Amanhã... na velhice, onde a razão se aflora com mais intensidade, irão perceber que "agora" o tempo passou...e tornou-se escravo de um "medo" imaginário.
    Ótima postagem, meu amigo, um grande beijo, e obrigada pelo seu carinho.
    Mara

    ResponderExcluir
  9. Você é quem decide o que vai ser eterno em você,
    no seu coração. Deus nos dá o dom de eternizar
    em nós o que vale a pena, e esquecer
    definitivamente aquilo que não vale.

    D.A

    BOM FDS..........Beijos meus! M@ria

    ResponderExcluir
  10. Oi Sot!

    Antes de mais nada, obrigada por teu carinho, e creia-me, a ausência se fazia necessária, muito. Estou voltando, e com bastante saudades daqui!

    Lindo esse texto, mas incrivelmente verdadeiro. Há pessoas que preferem se encolher durante uma vida inteira a enfrentar as tempestades e terremotos que a vida real proporciona. Já eu, prefiro viver dez anos a mil por hora do que mil anos a dez!

    Super beijo, amigo

    Carla

    ResponderExcluir
  11. Realmente! Vivemos um mundinho a parte, e vamos extinguindo o amor aos poucos, a cada dia fazemos um funeral... Desce a cova a liberdade, a verdade, e tantas coisas em nome de estarmos seguros, ou na mentira de estarmos nos protegendo. Façamos voltar a amizade!! Façamos nós a um mundo melhor.

    Quero deixar aqui minha amizade,
    Espero não ser inconveniente, se aceitar, te seguirei no blog, até…

    Abraços.

    ResponderExcluir
  12. "...tudo na natureza tem o seu quinhão de beleza".
    O texto inteiro é um primor!
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  13. Obrigado! como é gostoso ouvir palavras bonitas, voltarei!

    abraços

    ResponderExcluir
  14. Olá.

    O que dizer diante
    de verdades tão intensas.
    Sentir...
    Refletir...
    Aprender...

    Que sempre haja tempo para os sonhos
    em tua vida.

    ResponderExcluir
  15. Ola, SOTNAS, meu amigo de poesia... sinto-me honrada por fazer parte da sua lista de amigos e de poder ler e reler aquilo que você tão bem comunica... Já estou com seu selo, no corpo das mensagens (pois não soube coloca-lo dentro dos widgets), mas assim mesmo, com muito orgulho.
    Volte sempre em suas lindas visitas!
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  16. Querido amigo,


    Voce tem razão em cada palavra dita , nas verdades e reflexões. Muito obrigada!


    Carinhoso beijo e boa semana.

    ResponderExcluir
  17. Puxa, que legal você visitar meu blog edeixar recado.
    Adorei.Obrigada por gostar eespero que volte sempre.
    Beijos!

    ResponderExcluir

POSTAGENS