Bela cidade das Gerais!

Bela cidade das Gerais!
Imagem feita por Sotnas Odlabu em São João Del Rei MG em nov de 2016

E AQUI, OS QUE POR CÁ VIERAM UMA, E CONTINUAM VOLTANDO OUTRAS VEZES!

domingo, 1 de maio de 2011

Talvez, melhor seria!

"Gotas na teia" imagem feita em
 Campos do Jordão no museu da Felícia, em
04/08/2010, por Sotnas Odlabu


Talvez, pra que eu não sofra, nem tento,
Imaginar como meu viver seria,
Os anteriores anos e momentos,
Em transcrever no papel o que sentia,

Pois sinto que sempre esteve em mim,
Sempre, como nas músicas que ouvia,
É difícil explicar, mas, sempre foi assim,
Apenas não sei por que motivo, não escrevia,

Assim faz pouco tempo que ficou melhor,
O que sinto, já não fica mais só nos pensamentos,
Até por ser difícil lembrar todas de cor,

São agora alegres meus sentimentos,
Mas somente porque antes eu não sabia,
Quão feliz, se desde sempre escrevesse poesia!

Sotnas Odlabu

  
  

26 comentários:

  1. Para mim escrever é libertar os pensamentos, é dar sentido a tantos pensamentos e sentimentos, na medida que liberto eles, me liberto, me encontro, me releio.

    É essa felicidade e esse bem estar que senti que parece você sentir ao escrever.

    abraço

    ResponderExcluir
  2. escrever.. pensar e sentir..
    nos faz bem e a quem nos lê e gosta..
    beijos Sotnas e boa semana..

    ResponderExcluir
  3. Olá, Sotnas
    Poie é meu amigo, escrever é bom demais nos faz mais feliz.
    Desejo tudo de bom pra você e sua família. Não esqueci aqueles suculentos morangos.
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  4. São agora alegres meus sentimentos,
    Mas somente porque antes eu não sabia,
    Quão feliz, se desde sempre escrevesse poesia!

    A poesia é e sempre será o alento para as dores da alma. e você bem soube dizer isso aqui.
    Um grande abraço, meu amigo

    ResponderExcluir
  5. Meu amigo uma boa noite é a primeira vez que passo no seu blog gostei muito dele sempre que der voltarei a visitar ele...Que vc tenha um otimo inicio de semana...

    Abraços...

    ResponderExcluir
  6. Querido amigo,

    Fiquei tão bem após ler esta felicidade compartilhada! E te sentir feliz, satisfeito, realizado. Lindo demais! Obrigada.

    Beijos com carinho e excelente semana a você e toda família.

    ResponderExcluir
  7. Chegando pra conhecer...
    volto assim que passear mais por aqui.
    Bjins entre sonhos e delírios

    ResponderExcluir
  8. Olá Meu Amigo Poeta...
    Que maravilha o seu soneto! E como é bom termos a poesia para dar vazão a tanto sentimento que emana do coração.
    A música é algo que nos sensilibiza e sintoniza e confesso para você que sem a música e a poesia eu pouco sou!
    Adorei estar aqui!
    Desejo que a sua semana seja rica em dádivas.
    Um beijo carinhoso

    ResponderExcluir
  9. Sotnas querido, aproveito esse belo poema para dizer que discordo do título do seu blog. Não tem nada de "pretenso" aqui. São versos e lindas fotos de um poeta fotógrafo. Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Meu amigo, é com satisfação que venho ao teu distinto blog.
    Escrever é preciso. E com esmero escreves.
    Leio teus poemas e digo com certeza que eles nos enchem de prazer, alegria e a mim, foi uma grata surpresa ve-lo no Vozes de Minha Alma.
    Seja sempre bem vindo, um abraço.

    ResponderExcluir
  11. Do blogue da Malu, passei por aqui e gostei de saborear esta poesia que nos esvasia de medos e nos sacia de calam e felicidade.
    Passarei a acompanhá-lo e a saborear esta lindas viagens para lá das preocupações de cada dia.

    ResponderExcluir
  12. Sotnas

    A noite é sem lua. Não tenho medo.Meus amigos são estrelas que ajudam a iluminar meu caminho.
    Obrigada por existir na minha vida.
    Tão logo possa, voltarei.
    Saudade.

    Fátima Guerra.

    ResponderExcluir
  13. Olá, Sotnas
    Um poeta nasce com a poesia dentro de si, tal como um cantor nasce com voz.
    E, tal como o cantor precisa educar a sua voz para brilhar, também o poeta necessita aperfeiçoar o dom que Deus lhe deu, para poder dar à luz versos lindos e poemas com a qualidade dos seus.
    O aperfeiçoamente faz-se ao longo de toda uma vida, porque ninguém nasce perfeito...
    Este seu poema é duma grande clarividência, por isso é tão bonito!
    Parabéns.

    Boa semana. Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Olá! Estava navegando na blogosfera e me deparei com teu blog, adorei!
    Amo fazer novas amizades, conhecer pessoas, trocar idéias, novas perspectivas, algum sentido pra tudo isso aqui.
    Teu cantinho é belo, cativante ... já estou te seguindo...
    Se puder visita meu blog, e conheça um pouquinho desse ser complexo kkkkkk..
    Abraços apertados!

    *´¨)
    ¸.•´¸.•*´¨) ¸.•*¨)
    (¸.•´ (¸.•` *♥ Jussara Christina ♥*♥*♥*♥*♥*♥*♥*♥*♥

    ResponderExcluir
  15. Oi Sotnas!

    Realmente, escrever é muito, muito bom!

    Tem uma coisa assim meio que de... libertação, não é? Para mim é, rsrsrs. Adoro.
    E adoro seus poemas, recheados de saber, de sentir.

    Beijos

    Carla

    (ah, linda foto "Gotas na Teia", maravilhosa!)

    ResponderExcluir
  16. Caro amigo Sotnas, escrever é assim, aliviar a mente, o coração e em versos expressar o que se leva no espírito.
    Parabéns por presentear a todos que o leem com seus poemas tão lindos.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  17. Amigo
    Se escrever alegra seus sentimentos, maravilha: também nós ganhamos com isso!...
    Abraço

    ResponderExcluir
  18. Sotnas! É um prazer muito grande recomeçar, e, ainda reencontrar amigos,
    vale apena tomar consciência de pessoa especial. Tua palavra amiga faz-me saber que tudo vai bem contigo.
    A poesia é uma cortesia que sempre esteve nos teus sentimentos, ao quanto pôde se guardou. Mas creia amigo… seu efeito é semelhante ao vinho no odre, quando não mais pode, explode. obrigado pelas visitas e abraços de saudade.

    ResponderExcluir
  19. Meu caro Sotnas
    Somente um verdadeiro poeta pode resumir em palavras o essencial motivo da escrita de versos! Adorei este seu poema, pois retrata uma grande verdade, e dito assim de maneira tão melodiosa como você fez!
    Parabéns!
    Espero que você esteja bem, sempre com essa sensibilidade à flor da pele, e pelo visto, não somente nos versos, mas nas fotos que apresenta. São maravilhosas!
    Um grande abraço e obrigada SEMPRE por suas gentis visitas.

    ResponderExcluir
  20. Meu Caro Amigo Sotnas,
    Muito boa tarde!
    Agradeço desde logo pela gentil visita ao meu blog. Sempre que puder, volte, sei que voltarás, nem que seja para um bom dia! Me "persiga". Gosto de críticas inteligentes, e ainda mais vindas de pessoas assim feito você, inteligente! Vou gostar de tê-lo por perto, deixando seus coments. Nunca esqueça: A casa é sua! E são criaturas feito você que me apóiam e me impulsionam a continuar escrevendo mais e mais. Faço disso um grande prazer. Adoro POESIA! A vida me fez assim, um escrevinhador. Gosto das letras, das palavras. Tenho necessidade de escrever, sinto sede e fome de tecer meus poemas. Parece que tudo fica mais luminoso, se acende uma candeia e dá nisso: escrevo. Obrigado, Amigo pela força e pelo carinho com que se reportou a mim. Saiba que tens em mim, seu mais novo Amigo, mesmo que de longe, virtualmente. A poesia nos aproxima. Muita paz e bem! Hiper abraço,
    João Ludugero.
    www.ludugero.blogspot.com
    Conte comigo! Estou aqui.
    Até mais! Saúde muita saúde!

    ResponderExcluir
  21. Olá meu querido!
    Obrigada pela visita e pelas palavras carimhosas!
    Beijos!
    Tenha uma quinta-feira maravilhosa!

    ResponderExcluir
  22. Escreva sempre caro amigo!!! Às vezes as palavras ficam escondidas mas a emoção deixa transparecer os sentimentos. Exponha-se, estaremos acompanhando suas poesias!!

    ResponderExcluir
  23. Olá, amigo.

    Lindo poema!
    Escrever sempre nos cura... eu, hj, não viveria sem poder por pra fora alguns versos... rs

    Beijo grande...

    ResponderExcluir
  24. Ola meu querido amigo, belo soneto, tenho muito orgulho de ser e ter você como amigo-poeta, você tem dom, luz e seu brilho ilumina por onde passa. Suas fotos me encantam e como "criança levada" vou "surrupiar" esse soneto e ilustração, e distribuir essas maravilhas lá no CLIP.
    obrigada sempre!!!
    bjs
    Mara Bombo

    ResponderExcluir
  25. Sotnas

    Pensamentos reprimidos, esquecem-se e deixam de ter poesia.
    A Poesia, porém, não é apenas pensamento. Tem de ser sentimento. E isso, tens e demonstras.


    Abraço
    SOL da Esteva


    http://acordarsonhando.blogspot.com/

    ResponderExcluir

POSTAGENS