Bela cidade das Gerais!

Bela cidade das Gerais!
Imagem feita por Sotnas Odlabu em São João Del Rei MG em nov de 2016

E AQUI, OS QUE POR CÁ VIERAM UMA, E CONTINUAM VOLTANDO OUTRAS VEZES!

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

BRASIL

Imagem feita em Monte Verde, em junho de 2010.
Esta capela fica nas dependências de um hotel naquela cidade
por Sotnas Odlabu 



                      Abençoada pátria mãe gentil, é o Brasil!
                   Índios, negros, brancos, e céu azul anil,
De douradas riquezas, que há muito "partiu,"
    Deixando a ver navios todo um povo varonil!

Abençoada pátria, de extensas terras sem gente,
E povoada em alguns poucos pontos somente,
Por conta de um povo logrado, de modo indecente,
Que sofre e sorri, ora é infeliz,
Ora é feliz, mas, “sempre contente”!

Abençoada pátria, de extensas florestas intocadas,
Vive sofrendo abusos, pois é livremente desmatada,
Indivíduos estranhos a estas reservas abençoadas,
Com toda ganância, contaminam
Outros em sua sinistra empreitada!

Abençoada pátria de povo humilde,
Que prefere o estranho, ao de sua origem,
Basta o perverso fingir-se amigável, e ele tudo exibe,
E assim nossas reservas naturais se vão, "se exaurem"!

Abençoada pátria mãe, que, por ser tão rica,
A cada instante, cada vez mais pobre fica,
Pobre de bons valores morais,
Que há muito não se pratica,
Pobre por dever tantos favores,
A tantos que nada a ti dignifica!

Abençoada pátria, tuas florestas surdamente bradam,
Pois o cantar dos pássaros, pouco a pouco "eles" calam,
Animais diversos existiam, e hoje caçados já não caçam,
Por existirem somente fixos, são troféus e paredes enfeitam!

Abençoada pátria, não pode d’esta maneira viver,
Com esta cultura de valorizar após perder,
Mudar conceitos se faz urgente, sem ser indiferente,
Pois viver é sentir a vida, como ela nos sente!
Livre, selvagem, dócil, culta, inocente!

Abençoada pátria, da cor verde e amarela,
Sentirá algum dia essa sua gente, orgulho,
Por ter pátria mãe tão bela!
Ou serão sempre, obscuros traidores, covardes,
Negando eternamente que, são sementes dela!

Sotnas Odlabu



25 comentários:

  1. que lindo...maravilhosa leitura!! bjs

    Olá...Sou escritora e estou sorteando meu livro no blog
    Venha participar com a gente! Têm sorteio no meu blog e no blog Novos Autores.
    O livro é a respeito de cinco personagens que viajam pela Amazônia. Tem romance, aventura, mistério, conflito pessoal, amizade, fatos históricos riquíssimos! Tudo isso em terra Tupinambá! Aproveite.
    Bjs - A autora
    http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/
    “Às vezes sentava-me na rede, balançado-me com o livro aberto no colo, sem tocá-lo, em êxtase puríssimo. Não era mais uma menina com um livro: era uma mulher com o seu amante." (Felicidade Clandestina, Clarice Lispector)

    ResponderExcluir
  2. Olá, amigo Sotnas. Passando por aqui para lhe desejar uma boa tarde.Seus versos soam como um hino, más de protesto. Concordo prenamente com vc.. Pois tudo deveria ser diferente nesse País tão lindo e ao mesmo tempo pobre pelo descaso, ganãncia e corrupção! Meu querido amigo, vamos ter esperança de dias melhores. Grande abraço com carinho!

    ResponderExcluir
  3. belas palavras para a data de hoje querido Sotnas..
    sempre muito bom te ler e sentir..
    beijos para uma linda noite de paz..

    ResponderExcluir
  4. Caro Sotnas, trouxeste-nos um poema muito apropriado, bonito e realista.
    Na estrofe a seguir você usou de inteligência e bom senso, gostei muito:

    "Abençoada pátria, não pode d’esta maneira viver,
    Com esta cultura de valorizar após perder,
    Mudar conceitos se faz urgente, sem ser indiferente,
    Pois viver é sentir a vida, como ela nos sente!
    Livre, selvagem, dócil, culta, inocente!"

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite amigo querido !
    Quero te contar um segredo,kkkkkkk,meu coração amanheceu em festa...
    Passa lá no meu cantinho para bebermos um vinho em comemoração...não esqueça...estou te esperando...
    Bjsssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  6. Prezado amigo
    Especialmente hoje eu vim agradecer o seu carinho e apoio ao meu trabalho!
    Muito Obrigado de todo o coração!
    Abraço fraterno!
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  7. Sotnas,

    Forte, profundo, preciso e verdadeiro ao que perdi as falas, diante de triste realidade.

    O que não se valoriza, com tanta beleza física, com alma de riqueza ao sabor de vida...Nossa terra amada
    Tudo temos e tanto podemos, mas ei-la assim vencida e esquecida.
    Mas esse é o nosso Brasil mostrando a sua cara...

    Como sempre apreciando mais um dos teus versos na sensibilidade com que te chega ao pensamento e exalas aos quatros ventos, como um pedido de conscientização maior pelas nossas raízes, pois que aqui é a nossa casa...

    Saudades senti daqui do que levas aos teus seguidores a dividir com todos belíssimos poemas como este....

    Sempre a admirar.


    Abraços

    Livinha

    ResponderExcluir
  8. Querido amigo Sotnas,

    Um belo poema de amor ao Brasil e que emociona. Forte e incisivo no que tem a dizer por ser o certo e porque quem ama quer o melhor sempre. Como diz o ditado" Quem ama, cuida". É preciso acabar com a indiferença para mudanças efetivas!

    "Mudar conceitos se faz urgente, sem ser indiferente.."

    É uma grande verdade e um sábio conselho. Obrigada.


    Beijos com carinho e felicidades para você e familiares.

    ResponderExcluir
  9. Boa noite, amigo. Que lindo poema, retratas de coração todo o sentimento desse povo sofrido dessa nossa bela nação.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  10. Olá Meu Amigo!
    Quanta riqueza em suas palavras!
    Nossa Pátria é realmente maravilhosa e precisamos cuidar melhor desse chão que nos acolhe e desse verde que nos abençoa.
    Fiquei emocionada ao ler-te!
    Estimo que os seus dias sejam ricos em imensa paz!
    Um abraço carinhoso

    ResponderExcluir
  11. Somos considerados um país subdesenvolvido, de atraso, mas nem por isso nos escondemos em nossas casas esperando uma solução cair lá do céu. Brasileiro que é brasileiro vai á luta, tem garra, quer vencer. Sabe como é, o mundo pode estar caindo lá fora, mas por aqui, sempre vamos ter aquele nosso ‘’jeitinho brasileiro’’ de resolver as coisas. É esse nosso jeitinho que nos diferencia de qualquer outro povo, que nos faz pensar que as coisas não estão tão ruins assim, que ainda há uma brecha para continuar.

    É com esse mesmo jeitinho que o povo das praias lindas, das mulheres esculturais, do samba, vai à busca da felicidade, de uma vida melhor, de um futuro bom para suas crianças. É essa alegria que carregamos conosco que nos faz ver o mundo muito mais azul. É a alegria da hora de ir à praia tomar aquela cervejinha com os amigos, alegria na hora de trabalhar e de falar de assunto sério, aquela alegria meio triste (se é que isso existe) até mesmo na hora em que o mengão perde (afinal, sempre temos os títulos antigos para nos vangloriar).

    Brasileiro é assim. Sempre tentando melhorar, sempre com aquele tom de bossa nova, com aquele sorriso na cara, e com o balanço que só ele tem. Pode ser o baiano do sossego, o paulista da agitação, o gaúcho do chimarrão, o mineirinho do trem bom, ou tantos outros ainda. Brasileiro que é brasileiro não desiste, tem fé em dias melhores e acredita que há de ter um meio para tudo. E se não houver, ele usa aquele seu jeitinho brasileiro.


    Obrigada por estar com a gente em nosso mundo dos sonhos.
    Beijos,
    Adriana,
    Clube dos novos autores

    ResponderExcluir
  12. Perfeito resumo do país, Sotnas! Preferir o estrangeiro e só valorizar depois de perder são grandes males. Gostei das pedras onde se ergue a igreja da foto. Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Meus parabéns, pudera todos tivessem acesso a esta tuas palavras de tanta sumidade. Não nos daríamos a tantas balburdias, e cuidaríamos um pouco mais daquilo que deixaremos.
    Então no futuro se diria somente:
    "Abençoada Pátria da cor verde e amarela,"
    obrigado pela tua amizade

    ResponderExcluir
  14. Concordo com todos os comentário, mas bati os olhos numa clareira:

    Néia Lambert destacou...

    "Abençoada pátria, não pode d’esta maneira viver,
    Com esta cultura de valorizar após perder,
    Mudar conceitos se faz urgente, sem ser indiferente,
    Pois viver é sentir a vida, como ela nos sente!
    Livre, selvagem, dócil, culta, inocente!"

    ResponderExcluir
  15. Boa noite, amigo! Fiquei muito feliz em encontrá-lo entre meus seguidores. Obrigada pelas palavras e pelo carinho.
    Tenha um ótimo fim de semana. Muita paz!
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  16. Sotnas,
    Eu que agradeço de coração sua generosidade e amizade. Você me deixou emocionada, lindas suas palavras. Parabéns por seu patriotismo( não é uma característica dos brasileiros) então mais uma vez, parabéns! Um abraço, meu querido amigo, que sua semana seja repleta de paz e harmonia. bjs

    ResponderExcluir
  17. Boa tarde, amigo Sotnas
    O seu poema está repleto de nostalgia por valores que se perderam, o que faz com que este seu "hino" à Pátria seja, no fundo, um grito de revolta.
    Gostei MUITO!

    Nuito obrigada pelas boas-vindas.

    Uma semana muito feliz. Beijinhos

    ResponderExcluir
  18. Olá, Sotnas
    Vim matar a saudade.
    Seu poema é demais!!!! Parabéns, amigo e uma semana linda pra você e sua família.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  19. Grito patriótico e bem ecológico que aplaudo, amigo! Acho que devem fazer coro todos aqueles, aos quais me associo, que têm como preocupação maior a defesa do meio ambiente, das nossas/vossas florestas, da natureza, enfim!
    Abraço
    Quicas

    ResponderExcluir
  20. Amigo,

    Que tua voz jamais se cale e seja sempre ouvida por aqueles que são verdadeiramente brasileiros de alma e coração.

    Um grande abraço

    Deus seja contigo

    ResponderExcluir
  21. Lindo o poema, e triste a realidade, Sotnas.

    Tudo de bom para você, obrigada pelo carinho sempre, um abraço!

    ResponderExcluir
  22. Oi, Sotnas, sua foto do Porto de Santos, deixou seu blog lindamente colorido. Bonito, também, o poema Brasil. Abraço e bom dia!

    ResponderExcluir
  23. Meu amigo,perto de tantos outros lugares há que se dizer que o Brasil é maravilhoso em tantas coisas...
    Abraços

    ResponderExcluir
  24. Sotnas, amado
    Tens um talento incrível no nebuloso mundo
    das letras! Parabéns! Sucesso!
    Bjs.

    ResponderExcluir