Bela cidade das Gerais!

Bela cidade das Gerais!
Imagem feita por Sotnas Odlabu em São João Del Rei MG em nov de 2016

E AQUI, OS QUE POR CÁ VIERAM UMA, E CONTINUAM VOLTANDO OUTRAS VEZES!

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Nem sempre nos é doado, o mesmo que doamos!

Imagem feita em Itatiba-SP,
no ZOOPARQUE da cidade em 10/07/2010 por
Sotnas Odlabu



Ingratidão,
É uma palavra que termina em ão,
Dando-nos a idéia de amplidão,
Que o mal é de enorme vastidão,
Que em nosso ser vai causar enorme devastação,
E não tanto como palavra,
Mas sim como ação,
A malvada causa em quem a recebe,
Enorme estrago no coração,
E não é tudo, não
Quase sempre ela faz dueto com a decepção,
Não fosse o bastante,
Imagine insuportável dor quão,
Esta dupla nos visita,
E te fazendo parecer inadvertido,
    Trazidas por ser querido,
Sangue, do meu próprio sangue,
Deveras decepcionante!
 Sotnas Odlabu

22 comentários:

  1. Olá, Sotnas
    Como é bonito e verdadeiro seu poema!
    A ingratidão é difícil de suportar; a maioria das vezes causa deceção, e sempre, mas sempre, sofrimento.
    Eu, confesso, considero-a um dos piores defeitos que uma pessoa pode ter.

    A foto é lindíssima. Eu gosto muito de pássaros, e acho que a foto ficou muito bonita.

    Uma boa semana. Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Oi, Sotnas! Eu concordo com a Mariazita. Ingratidão é um enorme defeito. Gostei tanto da foto que chamei meu marido pra descobrir que aves eram aquelas. Chegamos à conclusão de que devem ser tuiuius. Lindos! Parabéns pelo poema e muito obrigada por ler meu texto sobre o livro estranho e comentar! Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Olá querido,

    não há nada por se desculpar... Achei muito querido de seu parte visitar o meu blog; adoro pessoas, adoro receber visitas e comentários e quero te-lo entre o meu rol de seguidores. Estou seguindo aqui, e espero que me sigas também, e concorra todo mês a sorteios de meus livros e dos livros dos novos autores.
    Um grande beijo,
    adrianavargas.ocadv@hotmail.com
    até mais.

    ResponderExcluir
  4. ahhhhhhhhh que bonitinhoooo!!! colocou o meu selinho em seu blog!!!! Amei, lindo, obrigada, bjs

    ResponderExcluir
  5. Querido Sotnas,

    Um poema perfeito e exato na dor que encerra esta palavra e no que traz.

    As fotos são lindas!

    Beijos com carinho amigo.

    ResponderExcluir
  6. Oi Meu Amigo...
    Não estamos livres das decepções dessa vida. As pessoas são muitas vezes imprevisíveis e nos machucam quando menos esperamos.
    Somos humanos, não é? E nós estamos em aprendizado constante através do amor e da dor!
    Força e fé... Pois tudo passa... E os verdadeiros laços se fortalecem!
    Um abraço carinhoso

    ResponderExcluir
  7. DEcepção, ingratidão, solidão...palavras dolorosas essas, né?

    Mas gostei de seu poema, viu?E mais ainda de o ver lá em casa!

    Abraço

    ResponderExcluir
  8. Como essa dupla nos têm visitado nos últimos tempos. Mas também nos visita poucas vezes o amor que nos traz intensa alegria. Parabéns pelo poema!

    ResponderExcluir
  9. Olá, amigo Sotnas. È muito bom telo de volta! A imagem ficou linda. Gostei também do post. È real! Grande abraço com carinho!

    ResponderExcluir
  10. Que pena não ter passado por lá hoje... Estou esperando por você, e se ainda não estiver me seguindo, siga pra concorrer aos livros dia 10... Hoje, postei coisa nova, uma insatisfação crescente tomando conta de tudo, olhos, mãos, pensamentos e de repente, não posso mais suportar em silêncio, preciso gritar...
    Um beijo querido, e nos ajude a divulgar o nosso trabalho, vem com a gente, beijos.
    Adriana

    ResponderExcluir
  11. Caro Sotnas, como é decepcionante isso, uma dor que machuca por um bom tempo. Mas fique certo, tudo passa!

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  12. Olá Stonas
    Pelo que vi no seu Blog...tá tudo bem com você.
    Passei para dar um olá!
    Estive ausente por uns dias.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  13. SOTNAS!
    Ainda não voltei á realidade!
    Sorry...

    ResponderExcluir
  14. Caro amigo

    A ingratidão dói.
    Mas também ensina
    a não cometermos
    o erro de também sermos ingratos.
    Diante dela,
    alguns desistem do confiar.
    Outros,
    redobram ainda mais
    a fé no outro.
    Penso que milhões de
    vezes seja melhor,
    recebermos a ingratidão
    do que sermos nós mesmos
    a sua mensageira.

    Viver é sentir os sonhos
    com o coração.

    ResponderExcluir
  15. Prezado Amigo
    Hoje vim lhe agradecer pela sua bondosa presença lá no meu cantinho, através de um simples selinho, 300 seguidores , feito com muito carinho.
    Agradeço-lhe de todo o coração!
    Abraço fraterno!
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  16. Sotnas
    Veja bem:
    Você não é um pretenso poeta.
    Você É um poeta.
    Amo a sua delicadeza e gentileza.
    Abraços

    ResponderExcluir
  17. que tristes versos de decepção..
    mas tudo passa..
    beijo de carinho Sotnas..

    ResponderExcluir
  18. Maravilhoso este poema, não tão maravilhoso assim o sentimento de decepção, mas estamos sujeitos e passa.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. A decepção fere porque se instala. Demoramos para superá-la porque somos humanos e, por mais que alguém diga para esquecer, há um tempo certo para que ela vá embora.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  20. Querido amigo,

    Uma feliz e abençoada semana para você e todos os seus amados.


    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  21. Boa Noite Anjo Amigo Do Meu Coração.
    Hoje tivemos duas estações no mesmo dia.
    Pela manhã um sol quentinho a tarde aquela virada e frio.
    È assim nossa vida anjo amigo de repente nossa vida muda de estação.
    Espero ser só uma chuva e que breve tudo vai passar.
    Li seu blog e vi o carinho comigo nas laterais do seu blog isso me da força para continuar .
    Uma linda noite uma semana abençoada beijos de luz,Evanir.

    ResponderExcluir
  22. Olá, amigo! Estou a qui agradecendo o carinho da sua visita... me deixa muito feliz! Tenha uma linda semana de paz e bjos no seu coração! Obrigada sempre.

    ResponderExcluir

POSTAGENS